Menu

Demora nas obras do Pedral do Lourenço afeta a economia no Parários do Pará, quando bem aproveitados, são um meio de transporte econômico, eficiente e sustentável. A hidrovia Araguaia-Tocantins, por exemplo, poderia cumprir essa função, mas há quase 10 anos um projeto para tornar o rio Tocantins navegável o ano todo caminha devagar, o que atrasa o desenvolvimento econômico do estado e ainda deixa uma obra bilionária sem utilidade.As eclusas de Tucuruí, no sudeste do Pará, são quase um elefante branco. Desde que foram inauguradas, em 2010, ao custo de R$ 1,6 bilhão dos cofres públicos, elas praticamente não funcionam. Em 2013, menos de 2% da sua capacidade foram utilizados.“Esse ano ainda foram feitas algumas eclusagens lá, pouquíssimas, no máximo 10, o que não significa nada para o potencial do rio e da região, então é quase zero isso, se falar que a gente pretende transportar por ali quase 20 milhões de toneladas", afirma Eduardo Carvalho, diretor das Empresas de Navegação Fluvial do Pará.A função das eclusas é permitir que embarcações atravessem a barragem da usina de Tucuruí, superando o desnível de 70 metros entre o rio Tocantins e o reservatório da hidrelétrica. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) é o órgão responsável pelas eclusas, mas a operação é feita pela Eletronorte, que não informou quantas embarcações utilizaram o serviço este ano.Segundo especialistas, as eclusas vão continuar subutilizadas enquanto não houver uma obra complementar no rio Tocantins: a remoção do Pedral do Lourenço, um conjunto de rochas ao longo de 43 km do rio, no município de Itupiranga, entre Marabá e Tucuruí. No período da seca, que pode durar até seis meses, as pedras impedem a passagem de grandes embarcações.Em 2010, o Governo Federal fez a licitação das obras, mas o processo foi cancelado. A licitação só foi feita em 2015. A empresa vencedora vai receber do governo R$ 560 milhões para terminar a obra até 2021.

12 DEZ 2017
12 de Dezembro de 2017
Alunos da vila quilômetro 21, rodovia transamazônica no mesmo quilômetro fecham a BR 230 no referido local, ambos cobram transporte do governo municipal ou prefeitura de Marabá. a rodovia esta interditada desde as 08:00 horas da manha de hoje ...
Leia mais

Brasil tem o dobro de presos nas cadeias

12 DEZ 2017
12 de Dezembro de 2017
Leia mais

Seleção de Marabá joga hoje em Belém

12 DEZ 2017
12 de Dezembro de 2017
De porta em porta. Foi assim que o treinador da Seleção de Marabá, Bismarck Martins, se desdobrou para que a equipe que representa o município pudesse viajar à capital e disputar o Intermunicipal de Seleções.Bismarck começou uma campanha n...
Leia mais
Tenha você também a sua rádio